por Oscar D'Ambrosio


 

 


 

Thaís Ibañez

 

            A cultura brasileira em forma de pintura

 

            A arte popular tem as mais variadas manifestações. Elas incluem a cerâmica, o canto e a dança, entre muitas outras. Uma jornada plástica das mais fascinantes é mergulhar nesse mundo do tridimensional e se propor a levá-lo para a tela, onde reina a linguagem dos planos e das cores.

            Nascida em Diadema, SP, em 1982, a artista plástica Thaís Ibañez percorre essa jornada de maneira muito pessoal. Uma marca registrada é o uso de mulheres com a base arredondada, como ocorre na cerâmica. Esse recurso, associado ao intenso uso da cores quentes, funciona como uma excelente solução para transmitir alegria e espontaneidade.

            Cantora, a pintora coloca geralmente em suas imagens algum instrumento de percussão, uma forma de valorizar os ritmos nacionais e de criar, de certa forma, uma identidade visual no seu trabalho. Acima de tudo, predomina sempre a cultura popular como fonte de inspiração e motivação de imagens que remetem ao artesanato.

            Thaís Ibañez toma a cultura brasileira e lhe dá uma dimensão pictórica. Isso é feito dentro de uma concepção de exaltar aquilo que ela tem de peculiar, como as tonalidades vivas, objetos feitos manualmente e a música, as danças e instrumentos. Desse diálogo, a artista constrói seu imaginário visual e o país sai fortalecido, pois tem sua cultura autêntica homenageada e preservada.    

           

Oscar D’Ambrosio, jornalista e mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP, integra a Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA- Seção Brasil).

 

 

No Netscape clic com botão direito para ver a imagem


Fechar Foto                                                                                              Abrir Foto

 

  Negritude do Campo
óleo sobre tela 90 x 60 cm sem título

Thaís Ibañez

 

artCanal

 

Outros Artistas

 

Oscar D’Ambrosio