por Oscar D'Ambrosio


 

 


Sandra Souza

 

            Diálogo de linhas

 

            O diálogo entre as linhas retas e curvas é um dos grandes assuntos da história da arte. Não existe um caminho exemplar a ser seguido, mas sim numerosos estudos visuais que apontam para um vasto repertório de opções na hora de selecionar como um trabalho pode ser desenvolvido.

            Sandra Souza realiza a sua pesquisa num universo perigoso, pois as incursões por esse mundo são as mais variadas possíveis e, muitas vezes, parece não haver mais saídas, como se tudo já houvesse sido feito. Fugir dessa armadilha é um dos deveres do artista plástico.

            O consciente uso da cor e a rígida delimitação de áreas é realizada sem que o trabalho perca a espontaneidade. Trata-se quase de um diálogo entre a aspereza masculina e a delicadeza feminina, numa fusão harmoniosa de corpos plásticos que conseguem transmitir uma atmosfera agradável.

            A contemplação dos quadros de Sandra Souza não é passiva. Pelo contrário, a maneira como articula as possibilidades de movimento das linhas e as harmoniza com as cores utilizadas instaura atmosferas que apontam para o repouso ou, em função das tonalidades escolhidas, para dinâmicas mais afetivas.

 

Oscar D’Ambrosio, jornalista e mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP, integra a Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA- Seção Brasil).

 

 

 

No Netscape clic com botão direito para ver a imagem


Fechar Foto                                                                                              Abrir Foto

  Modulações
130x270 cm AST

Sandra Souza

 

artCanal

 

Outros Artistas

 

Oscar D’Ambrosio