por Oscar D'Ambrosio


 

 


 

Paulo Lara

 

            Curvas alegres

 

            Existe um grande preconceito contra as formas de arte que se aproximam da ilustração, assim como daquelas que se utilizam de cores em tonalidades mais quentes. É comum que esses trabalhos sejam desvalorizados antes de serem, de fato, olhados com mais atenção.

            Paulo Lara corre o risco de sofrer esse tipo de pressão simplesmente por levar para as telas, com tinta acrílica, imagens extremamente marcadas pelas cores e pelos seus contrastes numa linguagem muito influenciada pelas histórias em quadrinhos e pela Pop Art.

            É preciso manter o olhar livre de visões pré-fabricadas e se dispor a observar o trabalho do artista naquilo que tem de melhor: a capacidade de desfocar a realidade. Isso ocorre pela maneira como as linhas curvas são articuladas para criar uma realidade diferente da nossa, mas ainda reconhecível.

            A obra de Paulo Lara porta, acima de tudo, uma intensa ironia. Costuma carregar as telas de elementos, e eles se articulam num tom crítico e bem-humorado. Prova, assim, que a arte, desde que feita com seriedade e com aplicação constante rumo a uma melhoria continua, pode ser de qualidade sem ser sisuda.

 

Oscar D’Ambrosio, jornalista e mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP, integra a Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA- Seção Brasil).

 

No Netscape clic com botão direito para ver a imagem


Fechar Foto                                                                                              Abrir Foto

  São Paulo Anos
30 70x110 cm AST

Paulo Lara

 

artCanal

 

Outros Artistas

 

Oscar D’Ambrosio