por Oscar D'Ambrosio


 

 


Ivani Castilho

 

A dedicação à aquarela

 

Originária do italiano acquerello, a aquarela é uma tinta diluída em água. Leve e transparente, é aplicada , em geral, sobre papel branco. O nome passou a ser utilizado para as obras obtidas com essa tinta, que surgiram na Europa do século XV, tornando-se um gênero autônomo por volta da segunda metade do século XVIII.

É nesse contexto etimológico e histórico que se insere o trabalho das aquarelistas brasileiras, entre as quais Ivani Fortunato Ranieri de Castilho. Ela tem um lugar de destaque tanto pelo talento intrínseco de sua arte como pelo trabalho em prol da difusão da aquarela no Brasil e no exterior.

Ivani nasceu em São Paulo, Capital, em 6 de outubro de 1960, e começou seus estudos em artes plásticas, inicialmente em pintura a óleo, no Colégio Santa Marcelina, em 1976, sendo que, de 1978 a 1980, levada pelo tio, pintor, freqüentou o Ateliê de Paulo Penna.

O primeiro contato com a aquarela e a pintura calcográfica, no entanto, ocorreu sob orientação da artista plástica Iole Di Natale, na Faculdade Santa Marcelina (FASM), onde se formou, em 1981, em Educação Artística com Habilitação em Artes Plásticas. Surgiu assim um grande interesse em ampliar os próprios conhecimentos, fato que a levou, após terminar a Faculdade, a permanecer trabalhando no Ateliê dirigido pela Iole.

A busca por um constante aprimoramento levou Ivani a realizar, em 1983, especializações, em calcografia e gravura experimental, na Itália, na Scuola Lorenzo Di Médici, Firenze, Itália, e na Scuola Internazionale di Grafica, Venezia, Itália. A artista ganhou assim grande bagagem artística, seja em artes gráficas, no desenho ou na habilidade de lidar com tintas e pigmentos.

Todo esse estudo, colocado em prática nas próprias aquarelas, levou Ivani a orientar grupos em seu próprio ateliê, a partir de 1983, e, três anos depois, tornou-se professora assistente em aquarela de Iole Di Natale, na FASM, instituição na qual obteve, após realizar curso de 1996 a 1998, a pós-graduação em Pintura em Aquarela.

Ivani coordena ainda grupos de aquarelistas brasileiros para cursos de aquarela, nos EUA, Itália, França e Brasil, além de ter sido convidada, em 2000, 2001 e 2002, para orientar o curso aquarela em plein air de verão, para estrangeiros, na Scuola Internazionale Di Gráfica, em Venezia, Itália.

O currículo de Ivani inclui, portanto, várias exposições coletivas e individuais no Brasil e no Exterior, com prêmios em gravura e aquarela. Seus trabalhos, em conseqüência, integram o acervo dos museus mais importantes de São Paulo, como o Museu de Arte de São Paulo (MASP), o Museu de Arte Contemporânea (MAC) e o Museu de Arte Moderna (MAM)

Atualmente, a artista leva para os seus trabalhos imagens da mata e de beija-flores, universos visuais de que Ivani se alimenta semanalmente em visitas à cidade de Monte Verde, MG, a partir de outubro de 2001. Surgem assim as séries “Leveza” e os pássaros de “Pirilampos”.

Dotado de grande delicadeza e de cores marcantes, o trabalho de Ivani Castilho não se limita ao de criadora artística. Há nela também os dons de pesquisadora e de mestra. Por isso, seu nome está ligado a maior parte dos eventos importantes da aquarela brasileira contemporânea.

Ao mostrar flores em detalhes ou trabalhar com extrema sensibilidade e criatividade paisagens, Ivani Castilho prova que a riqueza da aquarela, desde as suas origens, está na capacidade da artista lidar com o meio aquoso e as tintas com um propósito bem definido. No seu caso, há uma devoção à técnica com a qual trabalha.

O resultado não poderia ser outro: encantamento, principalmente pela habilidade mostrada no trato com os tons azulados ou ainda com distintas gamas de vermelhos e verdes. Tudo isso sempre com a certeza de que a aquarela é uma das mais difíceis, fascinantes e – infelizmente – menos divulgadas formas de expressão artística de suas origens até hoje.

 

Oscar D’Ambrosio é jornalista, integra a Associação Brasileira de Críticos de Arte (ABCA) e é autor de Os pincéis de Deus: vida e obra do pintor naïf Waldomiro de Deus (Editora UNESP).

 

 

 

 

 

No Netscape clic com botão direito para ver a imagem


Fechar Foto                                                                                              Abrir Foto

"Pátria Brasil IX"

aquarela 35x40 cm - 2000

 
Ivani Castilho

 

 

artCanal

 

Outros Artistas

 

Galeria de Fotos

 

Oscar D’Ambrosio