por Oscar D'Ambrosio


 

 


 

Cecilia Vellutini

 

            Sob o signo da linha

 

            Talvez a palavra “possibilidades” seja a melhor para definir os caminhos que a obra plástica de Cecília Vellutini apresenta. As veredas que ela pode percorrer são as mais diversas, todas elas marcadas pelo diálogo intenso, no mínimo, com dois elementos muito perceptíveis.

            O primeiro é a linha. Oriunda de sua formação como desenhista industrial e pelos anos que estudou arquitetura, ela se faz presente na maior parte de seu trabalho como importante elemento a estruturar o pensamento. Seja em retas a dividir a tela ou na forma de sinais, como círculos, estabelece um ritmo essencial para pensar o mundo.

            O segundo é a paixão pelas texturas. Tanto no uso de pós de mármore ou outros materiais, Cecilia busca efeitos que a agradem no processo de feitura e no resultado. Cada tela é um filho pródigo, num envolvimento emocional e afetivo em que a tendência é partir para uma maior ousadia na inserção de volumes e outros recursos.

            Geralmente monocromática, mas capaz de utilizar a explosão do vermelho como recurso para propiciar contraste entre áreas tanto na cor como nas texturas, Cecília Vellutini caminha rumo a um jogo em que o império da linha se alia ao uso de grafismos e ao império da textura na construção de seu poético reino plástico.            

 

Oscar D’Ambrosio, jornalista e mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP, integra a Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA- Seção Brasil).

 

 

 

No Netscape clic com botão direito para ver a imagem


Fechar Foto                                                                                              Abrir Foto

 

 Sem título
100 x 80 cm técnica mista sem data

Cecilia Vellutini

 

artCanal

 

Outros Artistas

 

Oscar D’Ambrosio