por Oscar D'Ambrosio


 

 


Alexandre Bernardes

 

            O poder de interrogar

 

            O ambiente urbano é ponto de inspiração para um sem-número de artistas plásticos das mais variadas tendências. Para Alexandre Bernardes, a metrópole paulista é apenas o ponto de partida de uma obra plástica que se fascina e se assombra com o dinamismo de São Paulo, uma cidade que não pode parar em seus mais diversos aspectos, inclusive no cultural.

            Nascido em São Paulo, SP, em 22 de abril de 1977, Bernardes teve o seu primeiro contato com arte por meio da dança, nas formas de expressão corporal e de dança folclórica. Realizou ainda diversos cursos técnicos, de tornearia  mecânica, desenho técnico, marcenaria e edificações, que lhe deram suporte teórico para lidar com os mais variados materiais.

            Seja nas instalações, nas obras a partir de material reciclado ou nos trabalhos com técnica mista, Bernardes parte de um princípio muito rico: a crítica e a reflexão sobre a cidade, pesquisando o que ela significa e tentando desvendar o que existe, em termos arquitetônicos e emocionais, em cada recanto.

            Bernardes parece buscar a poética da cidade em sua mais densa expressão: aquela que envolve os sentimentos. Os trabalhos do artista, propositalmente sem título, para não limitar a visão do observador, têm como característica o fato de gerarem justamente indagações visuais.

            As reflexões motivadas pelas imagens criadas por Alexandre Bernardes são justamente as de um cidadão urbano que não permanece indiferente ao que está ao seu redor. Seu trabalho plástico, seja mais ou menos abstrato, mantém a unidade pela capacidade de incomodar sempre, propondo imagens que interrogam e nos obrigam a participar com nossa sensibilidade e inteligência.      

           

            Oscar D’Ambrosio, jornalista, é mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes (IA) da UNESP, campus de São Paulo e integra a Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA-Seção Brasil). É autor, entre outros, de Contando a arte de Peticov (Noovha América) e Os pincéis de Deus: vida e obra do pintor naïf Waldomiro de Deus (Editora Unesp e Imprensa Oficial do Estado de São Paulo).

 
 

 

No Netscape clic com botão direito para ver a imagem


Fechar Foto                                                                                              Abrir Foto


  Sem título
técnica mista sobre papelão 120x90 cm - sem data
Alexandre Bernardes

 

 

artCanal

 

Outros Artistas

 

Oscar D’Ambrosio