por Oscar D'Ambrosio


 

 


A fantasia das cores de Claudia Cseri

 

            Entre os diversos aspectos do desenho e da pintura, a cor, para alguns artistas, tem um papel preponderante. É o caso de Claudia Cseri. Filha de artistas europeus que dominam as técnicas da tapeçaria, foi gradativamente desenvolvendo, de forma autodidata e em alguns cursos, uma pesquisa sobre o uso de tintas e pigmentos naturais.

            O resultado são jogos de transparência em que as áreas dialogam entre si para oferecer ao observador um relato visual da sua potencialidade de construir padrões marcados pelo ludismo, pela fantasia e pela busca de um constante aprimoramento técnico.

            A destruição do figurativismo formal e a apresentação de fragmentos que funcionam como sugestões de novas maneiras de interpretar o que chamamos de real marcam a sua poética, caracterizada pelo lirismo e pela capacidade de surpreender sem agredir e de conquistar pela sedução

            Há em Claudia Cseri o intenso desenvolvimento da capacidade de ver. Tons de vermelho, azul, lilás e amarelo são utilizados para obter efeitos de intensa alegria. Cada trabalho gera empatia no observador, pois desperta entusiasmo pela vida, sendo um sopro de esperança na contemporaneidade às vezes sombria que nos cerca.

 

Oscar D’Ambrosio, jornalista e mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP, integra a Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA- Seção Brasil).

 

           

 

 



 

artCanal

 

Outros Artistas

 

Oscar D’Ambrosio